Conhecer a Indonésia | Dicas importantes

Antes de começar a dar-vos dicas de destinos por aqui na Indonésia, é importante começar por falar do país e passar-vos algumas informações gerais para que possam ficar familiarizados com o país. 

Bandeira: 

125px-Flag_of_Indonesia.svg

Sobre a Indonésia: 

  • É composta por mais de 17 mil ilhas, e é o quarto país mais populoso do mundo, e o primeiro entre os países Islâmicos. A capital é Jakarta com cerca de 10 milhões de habitantes (imaginem Portugal inteiro numa cidade! Que loucura!). 

Clima:

  • Muito quente durante o dia, e à noite uma brisa mais fresca, mas sem precisarmos do casaco! Concordem ou não, mas para mim o clima é parecido ao pico do Verão em Portugal. 
  • De qualquer forma, acho a Indonésia “visitável” praticamente todo o ano, depende se pretendem ou não encontrar mais turismo, ou se pretendem preços mais acessíveis. 
  • A Época Baixa começa algures em Novembro e acaba para Inícios de Março. Esta é também a época das chuvas. Chove muito mesmo, mas também há menos confusão. 
  • A Época Alta é considerada essencialmente nos meses de Junho, Julho, Agosto e Dezembro (Natal e Ano Novo). 

Vistos:

  • Os Portugueses têm isenção de visto e autorização de permanência até 30 dias. Na chegada ao Aeroporto de Bali, basta dirigirem-se para os balcões da Imigração (vai ser fácil ver onde são, pois é para onde vai toda a gente!). Ter em atenção que por vezes podem pedir para mostrar o voo de saída da Indonésia.
  • VOA (Visa On Arrival) – para quem pensar ficar 2 meses na Indonésia esta opção é também válida à chegada ao Aeroporto de Bali. Num balcão mais discreto têm indicação do VOA. Custa 35 USD (32€) que são pagos no momento. É colocado um selo no passaporte. O que têm que fazer depois, é antes de acabar o primeiro mês de permanência, dirigirem-se à imigração (em Bali ou Lombok) para pedir a extensão para o segundo mês. É muito importante que o façam. Vão precisar de um voo de saída, deixar o passaporte na Imigração, preencher um formulário e pagar 355k (cerca de 21€) para obterem o segundo mês.

ATENÇÃO: nenhum destes vistos dá a possibilidade de trabalhar na Indonésia. Não arrisquem pois a imigração anda sempre em fiscalização e aparece de surpresa. Caso pretendam trabalhar informem-se sobre o visto adequado. Eu não tenho ainda conhecimento sobre o tema, assim que souber faço um post com isso. 

Embaixada da Indonésia em Portugal: 

Av. Dom Vasco da Gama 40, 1449-039 Lisboa, Portugal

Contacto: +351 308 804 250

Embaixada de Portugal na Indonésia: 

Jl. Indramayu No2A, RT.1/RW.5, Menteng, Kota Jakarta Pusat, Daerah Khusus Ibukota Jakarta 10230

Contacto: (021) 31908030

Moeda:

A moeda é a Rupia Indonésia e 1€ são cerca de 16k (confirmar sempre o câmbio do momento).

O curioso desta moeda é que tudo é contabilizado aos milhares, por exemplo:

1€ = 16 mil Rupias

6€ = 100 mil Rupias

60€ = 1 milhão Rupias

Língua: 

A língua oficial é o Bahasa Indonésio, mas em geral, a maioria dos Indonésios fala Inglês relativamente bem.

Mapa da Indonésia: 

main-map

Mapa da Indonésia (Fonte: http://www.komodotravellers.com/map)

Se tiverem mais duvidas sobre a Indonésia que queiram que explique, caso eu saiba, podem deixar nos comentários a vossa questão!

Sigam-me também no Instagram!

Boas Viagens 🙂

 

4 Comments

  1. Gabriela
    Abril 18, 2018 / 5:11 pm

    Ola Vera gostaria de visitar borneos mais propriamente voluntariado orangutangos. Mas tenho receios, o povo e tranquilo? Posso confiar no alojamento local? Estou a pensar ir sozinha…. Exite alguns concelhos que me possa dar? Habitos de vestuario? Hospitais? E seguro….enfim…. Como e viver na Indonesia. Grata

    • Abril 20, 2018 / 6:18 am

      Olá Gabriela!
      Obrigada pela mensagem 😄
      Nunca estive no Borneo, mas ha agencias portuguesas que fazem viagens para la, e pelo que vejo/me parece é tranquilo.
      Va com os primeiros dias de alojamento marcado, e depois quando se ambientar, ja podera fazer mais escolhas. Quanto a viajar sozinha, siga sempre a regras basicas: tentar andar sempre em zonas com gente, nao andar mt tarde a noite na rua sozinha, etc (pelo menos ate conhecer a zona).
      Faça seguro de saude sim, de viagem. É muito importante. Em breve falarei sobre isso.
      Depois quando for, diga-me que gostava de acompanhar a sua jornada 😄

      Beijinhos
      Vera Mendes

  2. Afonso
    Dezembro 25, 2018 / 7:14 pm

    Neste momento está em Portugal ou na Indonésia?
    Não foi apanhada pelo Tsunami? Está tudo bem?

    • vera.mendes0@gmail.com
      Autor
      Dezembro 26, 2018 / 6:49 pm

      Olá 🙂
      Obrigada pela preocupação! Esta tudo bem sim.
      Estou neste momento em Portugal, e este Tsunami foi muito longe das zonas onde costumo andar: Bali, Gilis e Lombok.
      Por lá esta tudo bem.
      Obrigada!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Translate »