Ubud: Caminhar pelo Campuhan Ridge Walk

Um must do em Ubud é sem duvida caminhar pelo Campuhan Ridge Walk, mas dizem que ao Nascer do Sol ou Por do Sol são as melhores horas para se ir. Não diria apenas pelas fotos, mas sobretudo, pelo calor que se faz sentir fora dessas alturas do dia! Nós, espertos, fomos mesmo ao meio da manhã na “torreira do Sol”. Sabem quando está aquele calor que o melhor é ficar num sitio fresco à sombra? Pois, foi nesse mesmo que fomos!

Adorei este local, apesar do calor que se sentia!

Este sítio giro, claro, foi imortalizado pelas redes sociais, o que nem sempre é mau. As redes sociais também nos ajudam a descobrir lugares que desconhecemos e que passam logo para a nossa bucket list.

No entanto, tinha alguma curiosidade em ver como seria a zona, uma vez também, que as redes sociais por vezes também nos podem decepcionar. Não foi o caso.

Esta é uma caminhada que vale a pena, e que tem uma paisagem lindíssima. E sabem, agora altura das chuvas, esta tudo muito verde, o que acho que torna os campos ainda mais bonitos.

Mais uma vez, tivemos sorte com o tempo, e enquanto por lá andámos não choveu!

Onde fica o Campuhan Ridge Walk?

Fica mesmo junto ao centro de Ubud. Podem ir a pé (começam logo o aquecimento) ou de motoca até lá!

É uma atividade grátis que podem fazer em Ubud.

Dica: se estiverem hospedados no centro de Ubud não se justifica contratarem táxi para vos levar. Vão mesmo a pé ou de mota:

  • Do Palácio de Ubud a Campuhan Ridge Walk a pé são cerca de 13-15 minutos.
  • Do Palácio de Ubud a Campuhan Ridge Walk de mota são apenas 5-8 minutos (sem trânsito diria eu)

Vejam no mapa, para terem uma ideia:

Estejam atentos, na estrada principal, pois não tem nenhuma sinalização a indicar (só mais a frente), pelo que convem orientarem-se pelo google maps ou então fixarem um ponto de referência. Depois, quando chegarem perto perguntem. Não é dificil encontrar!

Vão encontrar este sinal que dá inicio à caminhada no Campuhan Ridge Walk

Pelo que apurei, o Campuhan Ridge Walk tem na sua totalidade 4 km, e há uma parte que dá para ir de carro/mota, por causa dos resorts à volta. Mas a parte mais gira, digamos assim, é no primeiro quilometro em que só é possivel ir a pé.

À medida que íamos andando, e ao fim do primeiro quilometro, fomos vendo imensos resorts e alguns restaurantes começavam a surgir. Esta zona, sendo no meio dos terraços de arroz, pode ser uma boa opção para quem procura descanso a 100%, no entanto, não sendo de fácil acesso, “obriga-nos” a depender do táxi ou mota para nos deslocarmos para o centro.

Ao longo do caminho encontramos Resorts, Restaurantes e Lojinhas de Artesanato local

Nós fizemos 2km. Fizemos a primeira parte totalmente ao sol, onde tirámos óptimas fotos e usufruímos da paisagem, e decidimos continuar até ao restaurante que assinalava os 2km (o que vimos indicado na foto da entrada). Na pratica fizemos 4km (2km para cada lado).

Ficámos sensivelmente 1hora ou mais a usufruir da paisagem, e depois decidimos voltar.

No regresso, pareceu-nos tudo mais perto eheh

Cansados mas contentes de termos visitado este sítio

Depois desta visita, optamos por ficar a relaxar e a usufruir de Ubud. Fomos dar uma voltinha pelo Ubud Art Makert e ficámos algumas horas sentados num dos restaurantes locais que mais adoro para comer em Ubud: o Sinduk Warung! A comida é óptima e barata! Desta vez que fui, optei por comer uma das bowls que eles têm disponiveis: a Dragon Fruit Bowl.

Tenho que fazer um novo post com dicas de restaurantes, não é verdade?

Acompanhem-me também no Instagram e não percam nada sobre a Indonésia!

______________________________________________________________________

_______________________________________________________________________

GOSTASTE DESTE ARTIGO? GUARDA-O NO PINTEREST!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Translate »